SONHO SER SUA DEUSA


Quem me dera ser a deusa dos seus sonhos
E minhas marcas em sua pele tecer
Nossos corpos saciando-se destemidos
Em uma noite para nunca mais esquecer


Trago nos lábios o batom de pitomba
Mordo-te todinho até te enlouquecer
Nossos corpos unidos numa festa de arromba
Quero perder-me em você até o amanhecer


Se me nomeias tua deusa eu não resisto
Entrego-me inteira a seu bel-prazer
No calor de sua pele minha libido dispo
E cavalgando sobre o seu corpo faço a lua emudecer



Sentir o seu gozo é tudo que mais almejo
Somos fogo, despidos dos medos
Deixando-me embriagar em seu libertino cortejo
Revelo para ti os meus secretos desejos




Tuas mãos desvendando meu corpo
Regem uma sinfonia de puro deleite
Uma noite para nós... é pouco!
Ouça, nossos gemidos ecoam na madrugada


E enquanto minha boca a sua procura

Diante de nossa entrega a noite se cala...


Copyright © 2014 - Todos Direitos Reservados a Marcela Re Ribeiro - Reprodução Proibida